Cedar Camps

Metaphysical Ideas

Search Metaphysicals
 

Metaphysical Newsletters

The weekly Metaphysical Newsletter is provided to campers, staff, alumni, friends and the CedarS family at no charge however contributions help defray the costs of running this service.

Click here for more about how you can provide support!
 

Delivered to You FREE!

Available in five languages, get it delivered to your inbox weekly!

Subscribe Now!

Sede um reflexo da Alma, livre de tensão mas de brilho cintilante. Estudo Metafísico do Acampamento dos Cedros - Tema: A Alma.

Rick Stewart, C.S., Dresden, Germany
Posted Monday, February 8th, 2016

CIÊNCIA CRISTÃ - LIÇÃO BÍBLICA
“Bem-vindo às Lições Bíblicas da Ciência Cristã!
Deus é Tudo e Ele tem grande amor por toda Sua criação. Esse fato e nosso amor por Ele, por nosso próximo e por nós mesmos, constituem a essência das Lições Bíblicas. Elas proporcionam um mergulho profundo nesse amor, e isso tem trazido cura, conforto, reforma e regeneração às pessoas há várias gerações.
Portanto, mergulhe profundamente você mesmo [no estudo] das Lições Bíblicas e no amor de Deus! À medida que o fizer e, especialmente, na proporção em que viver esse amor, dia após dia, até mesmo, momento a momento, você verá a cura e os benefícios que dela resultam, ajudando não só a você mesmo, mas a todos que cruzarem seu caminho” (Livrete Trimestral da Ciência Cristã, p1).
O Acampamento dos Cedros preparou este Estudo Metafísico para auxiliar na sua compreensão do estudo da Lição Bíblica que é estudada diariamente em 18 línguas, incluindo agora o chinês, em todo o globo, cujo tema para a semana de 08 a 14 de fevereiro de 2016 é:
A ALMA
Sede um reflexo da Alma, livre de tensão mas de brilho cintilante
Abreviações: Bíblia – B; Bíblia na Nova Tradução na Linguagem de Hoje – NTLH; Bíblia Mensagem - MSG;
Ciência Cristã – CC; Ciência e Saúde – CS; Lição Bíblica – LB
______________
Quando me mudei para a Alemanha, não sabia quase nada de alemão. Como a maioria dos americanos, eu conhecia a palavra “Gesundheit” (saúde). Era o que dizíamos quando alguém espirrava. E nada mais. Aprendi o alemão aos poucos, enquanto cuidava do meu filho Noah. Pracinhas de brinquedos e mercadinhos foram minhas salas de aula. Aprendi como uma criancinha aprenderia um idioma. Pleno entendimento era raro. Numa conversação, entendia um pouco aqui outro ali. Mas a cada dia aprendia algo mais. Porém, houve um evento que me marcou, como um exemplo da luz do alvorecer e da plena compreensão. Foi num domingo de manhã, no culto, no meu primeiro ano na Alemanha, numa Igreja Evangélica Luterana, Zionskirche, localizada no lado sul da cidade de Dresden. https://de.wikipedia.org/wiki/Zionskirche_(Dresden)
O pastor era tio de minha esposa, Sr. Michael Kanig. Pregava sobre um tópico bíblico que me era familiar e eu estava conseguindo acompanhar toda a mensagem. Não que eu entendesse cada palavra dita. O que me fez entender a mensagem foi o mensageiro. Tio Michael falava com um constante brilho de satisfação nos olhos. Um sorriso acompanhava cada palavra. Parecia haver uma luz interior que simplesmente vinha à tona. A mensagem não era obscura, difícil de entender ou triste. A mensagem daquele sermão brilhava, resplandecia em cada fibra do ser de tio Michael. Eu compreendia e me deparei resplandecendo em resposta pela satisfação e compreensão. Eu me vi regozijando em pensamento de que é exatamente assim que o Evangelho deveria ser pregado, refletindo a Luz e a Glória das Boas novas. Lembrei-me de exemplos da Bíblia de quando Moisés desceu da montanha com os Dez Mandamentos—ou quando Jesus estava no monte da transfiguração (ambas experiências constam da lição desta semana, B3 e B12).
Este é o “brilho” na Lição Sermão desta semana. Podemos ler a explicação da palavra original do grego traduzida como brilho: clarão e resplendor como relâmpago.
É também um exemplo da luz que irradia de toda a Bíblia quando lida com compreensão. A presença resplandecente, radiante e clara da Alma brilhando em nossa experiência diária, rompendo os elementos obscuros e destrutivos da existência mortal.
Era esse tipo de apreciação pela mensagem brilhante e incandescente da Bíblia que inspirou o pastor e erudito da Bíblia Eugene H. Peterson a escrever a paráfrase da Bíblia em “A Mensagem”. Ele não se baseou em outras versões bíblicas, mas traduziu ou parafraseou diretamente do original grego ou hebraico. Ele escreveu sobre sua obra:
“Quando estava dando uma aula sobre os gálatas, comecei a notar que os adultos na classe não sentiam a vitalidade e objetividade que eu sentia quando lia ou estudava o Novo Testamento no seu original grego. Escrevendo a partir do texto original, comecei tentando trazer ao inglês os ritmos e as expressões idiomáticas da língua original. Eu sabia que os primeiros leitores do Novo Testamento ficavam absortos e envolvidos por esses escritos, e eu desejava que minha congregação tivesse a mesma sensação. Eu esperava avivar o interesse do Novo Testamento para dois tipos de pessoas: aqueles que não haviam lido a Bíblia porque parecia muito distante e sem importância, e aqueles que haviam lido a Bíblia tantas vezes que já parecia “coisa velha”.
“Quando Paulo escrevia uma carta, as pessoas que a recebiam a compreendiam imediatamente. Quando o profeta Isaías pregava um sermão, não consigo imaginar as pessoas correndo a uma biblioteca para entendê-lo. Isto foi a premissa básica com a qual trabalhei. Comecei com o Novo Testamento em grego- uma língua áspera e picotada, gramaticalmente não muito ordenada. E simplesmente digitava uma página como eu achava que soaria aos Gálatas.[5]
“A Mensagem foi publicada em parcelas ao longo de um período de nove anos. O Novo Testamento foi publicado em 1993. Os Livros de Sabedoria em 1998. Os Livros dos Profetas publicados em 2000. Os Livros de Moisés (O Pentateuco Hebraico) em 2001. Os Livros Históricos editados em 2002. A Bíblia inteira foi publicada no mesmo ano, segundo o canon tradicional Protestante.”
A coisa maravilhosa é que pessoas que a gente nem imaginava foram impactadas por essa brilhante tradução. Em junho de 2002, o grupo ministerial por trás da publicação de “A Mensagem”, fez uma celebração que incluiu testemunhos em vídeo de vários fãs do livro. Inclusive, o Grupo de rock U2 adorou a obra, e o cantor Bono enviou sua saudação.
“Olá, Sr. Eugene Peterson. Meu nome é Bono, sou o cantor do grupo U2. Gostaria de enviar-lhe através deste vídeo meus agradecimentos pessoais , e também do nosso grupo, por esse extraordinário trabalho que o senhor fez na tradução das Escrituras. Um trabalho realmente maravilhoso.”
“Como compositor, ficou muito claro para mim que você é um poeta e um erudito. Você trouxe à tona a musicalidade da Palavra de Deus que, tenho certeza, estava ali, sempre esteve ali intencionalmente.
“Há algumas ótimas traduções, algumas muito literárias, mas nenhuma tradução que li que fale comigo na minha própria língua. De modo que quero agradecer-lhe por isso.”
“Foram dez longos anos; de modo que pode descansar agora, não é mesmo? Adeus”
Houve um efeito similar quando Mary Baker Eddy publicou Ciência e Saúde com a Chave das Escrituras pela primeira vez em 1875. As pessoas lhe escreviam relatando como suas vidas haviam se modificado e como as Escrituras adquiriram vida. As últimas 94 páginas do Ciência e Saúde são compostas por 81 testemunhos escritos por pessoas curadas pela simples leitura do livro. E nos 141 anos seguintes, esse fluxo de curas não cessou.
Esse efeito inspirador de compreender melhor a Deus é algo especial nesta lição sobre A Alma. Ela nos ilumina. Uma compreensão de Deus como Alma transparece em toda a lição. Coleta exemplos maravilhosos da ação da Alma em alguns trechos da Bíblia: por meio de Moisés, Elias, Jesus e Paulo. E nos mostra que o mesmo resplendor está disponível para nós exatamente agora, exatamente onde nos encontramos; assim também nós podemos brilhar como um diamante bem lapidado. Aproveitem!
Texto Áureo, Isaías 60: 1: “Dispõe-te, resplandece, porque vem a tua luz, e a glória do Senhor nasce sobre ti”.
NTLH - Levante-se, Jerusalém! Que o seu rosto brilhe de alegria, pois já chegou a sua luz! A glória do Senhor está brilhando sobre você.
A Mensagem – Levante-se, Jerusalém! Desperte. Exponha o rosto à luz do sol. A resplandecente glória do Eterno surgiu para você.
AMP – Levanta-te [da depressão e prostração nas quais as circunstâncias te acorrentaram—ergue-te a uma nova vida]! Brilhe [seja radiante com a glória do Senhor] pois veio a tua luz e a glória do Senhor raiou sobre ti!
Leitura Alternada - Isaias 60:19-21 e Mateus 5:14-16* A Mensagem
Você não terá mais necessidade do Sol de dia
nem da luz da Lua de noite.
O Eterno será sua eterna luz,
seu Deus a revestira de esplendor.
Seu sol nunca vai se pôr,
sua lua nunca se apagará.
Eu serei sua eterna luz.
Seus dias de aflição acabaram.
(Isaías 60:19-21)
“Há uma outra maneira de dizer a mesma coisa: vocês estão aqui para ser luz; para trazer as cores de Deus ao mundo. Deus não é um segredo a ser guardado. Vamos torná-lo público, tão público quanto uma cidade num plano elevado. Se faço vocês portadores da luz, não pensem que é para escondê-los debaixo de um balde virado. Quero posicioná-los onde todos possam vê-los. Agora que estão no alto do morro, onde todos conseguem enxergá-los, tratem de brilhar! Mantenham sua casa aberta. Que a generosidade seja a marca da vida de vocês. Mostrando-se acessíveis aos outros, vocês motivarão as pessoas a se aproximar de Deus, o generoso Pai do céu” (Mateus 5:14-16).
Lembro-me de um dia em que fui pescar com meu pai na costa oeste da Flórida próximo a Ozello. Bem cedo pela manhã, havíamos levado nosso barco para uma das últimas ilhas antes do mar aberto do Golfo do México. Ancoramos no lado do Golfo dessa pequena ilha e pescamos em uma pequena baía no outro lado. Logo no início da tarde, caminhamos os quase 100 m de volta ao nosso barco e o encontramos sobre a areia, no seco. A maré havia baixado e deixara o barco na areia. Nós estávamos a salvo, mas incapazes de lançar o barco para voltar ao continente. Finalmente, por volta da meia-noite, tínhamos água suficiente sob o barco para poder iniciar a viagem de volta. Era uma noite escura e tínhamos vários quilometrosde viagem através de um arquipélago de pequenas ilhas, bancos de lama com mariscos e canais sinuosos. Muitas vezes pulei nas águas rasas para puxar o barco com o motor fora da água. Meu pai e eu estávamos orando e atentos -- ouvindo -- o tempo todo. É inacreditável o que a escuridão pode fazer para transformar um lugar familiar em um labirinto, onde não se consegue ver o rumo a ser seguido.
Nosso progresso foi lento. Enquanto orava, a ideia de direção infalível de Deus veio-me à mente. Lembrei-me do Salmo onde diz, "a noite será luz à roda de mim.” (Sl 139:11) Nesse momento, eram 2hs da manhã. De repente, no meio daquela escuridão notei vi um facho luz distante e disse ao meu pai: "Vamos seguir em direção a essa luz." Em cerca de meia hora de viagem com o motor funcionando e, às vezes, caminhando na água, puxando o barco, nos aproximamos da luz. Logo atracamos em um pequeno porto cerca de 9 metros de diâmetro e amarramos o barco em um pequeno cais. Um homem saiu. Era cerca de 2:30 da manhã. Nós o agradecemos pela luz que brilhava do local onde ele estava. Ele explicou que não tinha conseguido dormir e tinha se levantado para ler. Sua luz? Uma lâmpada de 100 watts pendurada na varanda da frente. Mas foi o suficiente. Ele explicou que estávamos cerca de 180 metros de onde nosso carro e reboque do barco estavam estacionados. Tínhamos atravessado oito km no escuro como breu com apenas Deus como nosso guia e estávamos a 180 metros do nosso carro! Mesmo estando próximo do nosso carro, tivemos de viajar cerca de 2 km na água até onde estava estacionado o reboque do barco. O homem veio a bordo e como conhecia todos os canais nos levou com segurança para a rampa do reboque, e nós lhe levamos para sua casa antes de seguir para a nossa casa.
Vocês podem imaginar quão gratos estávamos por aquela pequena luz brilhando na noite. Como ela pode ser importante para alguém viajando na escuridão da existência mortal. Como diz a canção: “This little light of mine, I'm gonna let it shine!” (A minha luz, eu vou deixar brilhar!) no link do youtubeGlistering! https://www.youtube.com/watch?v=J2kDsqGeoLU
Seção 1: Moisés resplandeceu na Luz do Senhor
A Citação B1 é do Salmo 84:11: "O Senhor Deus é sol e escudo [...]" Warren, Diretor Executivo do Acampamento do Cedros e editor dos Estudos Metafísicosdiz que "isso significa que o sol não causa danos quando Deus é o escudo ou o “protetor solar”. Esta seção nos fala da experiência maravilhosa de Moisés subindo ao monte Sinai para receber os Dez Mandamentos. "Quando Moisés desceu do monte Sinai com as duas tábuas do Testemunho, sim, quando desceu do monte, não sabia Moisés que a pele do seu rosto resplandecia, depois de haver Deus falado com ele. Olhando Arão e todos os filhos de Israel para Moisés, eis que resplandecia a pele do seu rosto.”(B3) [ comentários para download de Cobbey Crisler em B3 inclui B5 também]
A Citação B4 continua o tema "Seja Deus gracioso para conosco, e nos abençoe, e faça resplandecer sobre nós o rosto" (Salmos 67:1). Você já observou alguém assistir a um brilhante nascer ou pôr do sol? Essas pessoas, muitas vezes, são tão tomadas pela beleza incrível e emudecem banhados na luz refletida. Um vislumbre da Luz do Senhor, resplandecente no reflexo do Todo-Poderoso é mais ou menos como isso para mim.
As citações de Ciência e Saúde para essa seção ampliam o conceito de Deus como o Sol.
"O Espírito é Deus, a Alma; portanto, a Alma não está na matéria. [...] O universo reflete e expressa a substância divina, ou seja a Mente; por isso, Deus é visto só no universo espiritual e no homem espiritual, assim como o sol é visto no raio de luz que dele emana.”(CS3)
“SOL. O símbolo da Alma governando o homem - o símbolo da Verdade, da Vida e do Amor” (CS5, 595:1\0.
Pensemos em Deus brilhando e o homem refletindo a Luz do Senhor, como Moisés nos tirou da crença errônea de ser a alma algo pequeno vivendo dentro do espírito.
Seção 2: Elias e Jesus. O “cicio tranquilo e suave” dizendo, “acalma-te, emudece“.
Uau, que seção! Isto é como um concerto com uma grande estrela! Elias e o “cicio tranquilo e suave” e Jesus com “Acalma-te, emudece”.
Como é que este tema da quietude e paz de Deus eliminando o caos, se encaixa em nosso conceito de Alma como brilhando no universo? Bem, examinemos algumas das citações de Ciência e Saúde.
CS 10 | 559:8–12 “O cicio tranquilo e suave”, a voz do pensamento científico, se estende sobre continentes e oceanos, até as extremidades mais remotas do globo. A voz inaudível da Verdade é para a mente humana como quando “ruge um leão”. É ouvida no deserto e nos lugares escuros do medo.
CS 11 | 96:11-15, 26 - “A hora mais escura precede a aurora.” Mesmo agora, este mundo material está se tornando uma arena de forças em conflito. De um lado haverá desarmonia e consternação; do outro lado haverá Ciência e paz.”
Houve uma postagem maravilhosa na TMC Youth dA Igreja Mãe esta semana. Foi em resposta à pergunta, Deus é real? Quando as coisas parecem completamente fora de controle e o caos parece reinar, é possível encontrar uma resposta para essa pergunta? Bem, não há nada como a experiência pessoal de alguém! Jennifer McLaughlin, uma praticista, [Cedars Main Camp campista,] e Agente de Publicações para os Escritos de Mary Baker Eddy, compartilhou sua experiência dos tempos de faculdade-universidade.
Jen escreveu: "Sim, Deus é real. (E totalmente bom.) Mas a pergunta mais importante é: Por que isso é importante? Que diferença vai fazer para você? "
No meu segundo ano na faculdade, eu estava convencida de que não havia um Deus. Embora eu tivesse sido criada em uma Escola Dominical da Ciência Cristã, a vida naquela época era muito difícil: Um problema físico diagnosticado como incurável, pais se divorciando, treino de remo cansativo, aulas rígidas, sem amigos. Em suma, eu era miserável e culpava tudo no fato de que com certeza, Deus não existia..
Por seis meses, continuei me sentindo miserável. Mas então, por desespero, após estar doente por uma semana, telefonei para uma praticista da Ciência Cristã. Ela estimulou-me a considerar ativamente sobre o que eu estava grata e ser proativa sobre isso. Eu resisti no início, pensando que isso não fosse eficaz, mas, em seguida, ao longo de vários dias eu vi o valor nesse tipo de pensamento e como ele estava mudando minha perspectiva global.
Percebi o quanto eu poderia agradecer a Deus, e tudo mudou. Quero dizer: tudo. Eu estivera de cama por uma semana e depois de um telefonema a essa praticista eu estava curada e imediatamente estava em pé. A faculdade se tornou divertida; o treino melhorou, o divórcio dos meus pais foi amigável (e correto). Anos mais tarde, eu estava curada, por meio de orações da Ciência Cristã, daquela doença supostamente "incurável". Eu tive centenas de provas convincentes da presença e da bondade de Deus.
Agora estou totalmente confiante de que Deus é real. Como estou tão certa? Bem, é uma sensação. É uma certeza de bondade, carinho, amor. Eu só sei que Deus está presente. As vezes eu me sinto mais perto de Deus quando estou em silêncio, assim posso ouvir a Sua voz. Às vezes, essa voz calma levou-me a algo impressionante, outras vezes isso me impediu de fazer algo errado. Deus está sempre falando conosco, a questão é: “será que estamos ouvindo?” Será que estamos dispostos a colocar a vontade e os planos humanos de lado e realmente ouvir a boa voz de Deus nos guiando? O que na sua vida comprova que de fato Deus é real?
Seção 3: O brilho resplandecente, um vislumbre da imortalidade da Alma?
Então, o que é esse esplendor, esse brilho, essa Luz da Alma? Não é um vislumbre, um momento de eternidade, das leis espirituais do universo brilhando? Nesta seção, Jesus capacita seus discípulos a curar, encoraja-os a negar um sentido falso, mortal da existência e tomar a cruz diariamente e seguí-lo. Para onde ele os estava conduzindo? O que foi que ele mostrou-lhes? Elias e Moisés. Elias viveu no século IX aC, Moisés alguns dizem que nasceu em 1393, outros que viveu em 1500 aC. Jesus iniciou a era cristã, assim, ele teria nascido em torno da mudança do aC para dC. Não há, portanto, um brilho especial da imortalidade, a vida não limitada pela existência corporal, ou definida em termos corporais? Algo para se pensar, com certeza.
Na citação B12 (Lucas 9:1,2,23,28-30) temos: “Tendo Jesus convocado os doze, deu-lhes poder e autoridade sobre todos os demônios, e para efetuarem curas. Também os enviou para pregar o reino de Deus e a curar os enfermos. Dizia a todos. Se alguém quer vir após mim, a si mesmo se negue, dia a dia tome a sua cruz e siga-me. [...] depois de proferidas estas palavras, tomando consigo a Pedro, João e Tiago, subiu ao monte com o propósito de orar. E aconteceu que, enquanto ele orava, a aparência do seu rosto se transfigurou e suas vestes resplandeceram de brancura. Eis que dois varões falavam com ele: Moisés e Elias.
As citações de Ciência e Saúde continuam explanando a razão de nosso brilho imortal: “Só quando abandonamos o falso senso do que a Alma é, podemos alcançar o eterno desdobrar da Vida como a imortalidade trazida à luz” (CS19, 335-22).
“Os mortais têm de seguir as palavras de Jesus e suas demonstrações, que subjugam a carne. [...] O homem é a ideia do Espírito; ele reflete a presença beatífica, a inundar de luz o universo. O homem é imorredouro, espiritual. Está acima do pecado e da fraqueza. Ele não atravessa as barreiras do tempo para entrar na vasta eternidade da Vida, mas coexiste com Deus e o universo”(CS20, 266:24-25, 27).
Seção 4: Saulo se torna Paulo num facho de Luz! E o mundo muda.
Como é poderosa essa Luz de Cristo! Bem, vamos pensar realmente sobre o que aconteceu quando Saulo de Tarso foi convertido para o Apóstolo Paulo. [*Em Atos 9, B13] lemos que Saulo de Tarso, um judeu muito devoto, estava fazendo tudo o que podia para acabar com o movimento dos seguidores de Cristo Jesus. Ele estava totalmente comprometido com o que considerava uma missão divina.
Por exemplo, Atos 7 *, quando Estevão foi martirizado, " arremeteram unânimes contra ele e, lançando-o fora da cidade o apedrejavam. E as testemunhas depuseram as suas vestes aos pés de um mancebo chamado Saulo. [...] E Saulo consentia na sua morte.”.. Atos 8 *, "Saulo porém, assolava a igreja, entrando pelas casas e, arrastando homens e mulheres, os entregava à prisão.”. "Atos 22:" E persegui este Caminho até a morte, algemando e metendo em prisões tanto a homens como a mulheres, do que também o sumo sacerdote me é testemunha, e assim todo o conselho dos anciãos; e, tendo recebido destes cartas para os irmãos, seguia para Damasco, com o fim de trazer algemados a Jerusalém aqueles que ali estivessem, para que fossem castigados. "
Esta perseguição aos cristãos, como retratado no livro de Atos por seu próprio testemunho, foi implacável, embora ele pensava sinceramente que ele estava fazendo a vontade de Jeová (23: 1; 26: 9). Perseguindo os santos até nas cidades estrangeiras (26:11), ele batia, aprisionava, e os mandava à morte (22:19). Mais tarde, ele iria escrever que "sobremaneira persegui a igreja de Deus, e fiz estragos nela" (Gálatas 1:13). As memórias horríveis desses ataques viciosos iria ficar com o apóstolo o resto de sua vida (Cf. 1 Coríntios 15: 9; Efésios 3: 8; 1 Timóteo 1:15).
Mas sabemos que o objetivo de Paulo para exterminar o cristianismo da face da terra iria mudar radicalmente. E o registro de como isso ocorreu é tão incrível como é inspirador. O facho de luz que cegou Paulo? Eddy escreve sobre a experiência de Paulo, “Quando a verdade lhe apareceu pela primeira vez na Ciência, essa verdade o ofuscou e Paulo ficou cego; mas a luz espiritual logo o habilitou a seguir o exemplo e os ensinamentos de Jesus, curando os doentes e pregando o Cristianismo em toda a Ásia Menor, na Grécia e até na Roma imperial” (CS23, 324: 20).
"Ela é a iluminação da compreensão espiritual, que demonstra a capacidade da Alma, não do senso material. Esse senso da Alma vem à mente humana quando esta cede à Mente divina" (S25, 85:2).
Acho que se pode dizer que há esperança para todos nós, certo? Não há limite para o poder do Senhor Deus Todo-Poderoso para nos trazer para a Luz. Lembro-me de meu irmão Scott dizendo para mim uma vez, depois que ele teve uma cura notável e que posteriormente solicitou e fez o Curso Primário da Ciência Cristã, "Bem, você sabe que alguns de nós precisamos receber uma paulada na cabeça para acordar", ou vir para a luz!
Seção 5: A Luz é a Vida espiritual...o que é “a luz dos homens.”
A linha de Luz. . “Dispõe-te, resplandece, porque vem a tua luz, e a glória do Senhor nasce sobre ti” (Is 60:1)."Vós sois a luz do mundo. [...]. “Assim brilhe também a vossa luz diante dos homens, para que vejam as vossas boa obras. (Mt 5:14, 16)” “Porquanto o Senhor Deus é sol e escudo” (Sl 84:11). quando viram Moisés, eis que a pele do seu rosto resplandecia como o Sol. O símbolo da Alma governando o homem. A imortalidade, isenta de idade ou decrepitude tem uma glória que lhe é própria, -- a radiância da Alma... não no vento, não no terremoto, não no fogo, mas no "cicio tranquilo e suave” (1Reis 19:12). “Acalma-te, emudece” (Mc 4:39), a realidade da Vida, o controle da Alma sobre os sentidos. E enquanto orava, a aparência do seu rosto se alterou e suas vestes eram brancas e resplandescentes... e eis que estavam falando com ele dois homens, que eram Moisés e Elias... e veio uma voz fora da nuvem, dizendo: Este é o meu Filho amado; escutem-no. O homem é a idéia do Espírito; ele reflete a presença beatífica que ilumina o universo. O homem é imortal, espiritual... Paulo foi surpreendido durante sua viagem por uma luz que o cercou como uma luz do céu... Irmão Saulo, o Senhor Jesus que apareceu a ti pelo caminho por onde vinhas, me enviou, para que possas receber a visão e serás cheio do Espírito Santo. A luz espiritual logo lhe permitiu seguir o exemplo e os ensinamentos de Jesus, curando os doentes e pregando o cristianismo... É a iluminação do senso espiritual que demonstra a capacidade da Alma... e apareceu um grande sinal no céu; uma mulher vestida do sol, tendo a lua debaixo dos seus pés e sobre sua cabeça uma coroa de doze estrelas... E apareceu outro sinal no céu, um grande dragão vermelho... e o grande dragão foi expulso... e a terra ajudou a mulher... o Senhor é a minha luz e a minha salvação; a quem temerei? A mulher no Apocalipse simboliza o homem genérico, a idéia espiritual de Deus. A idéia espiritual é revestida com o esplendor da Verdade espiritual. A luz retratada não é em realidade nem da energia solar nem lunar, mas é a Vida espiritual, que é a "luz dos homens ... nesta era a terra vai ajudar a mulher; a idéia espiritual será entendida... O homem é a expressão da Alma.
A cura que trouxe minha família para a Ciência Cristã ocorreu em 1919. Minha mãe, com 18 meses de idade, estava gravemente doente com uma febre a qual o médico da região pensava ser fatal. Ele disse à minha avó que, se por acaso sua menina sobrevivesse à noite, ela nunca mais poderia andar. Durante esse tempo minha avó lembrou de uma imigrante de origem Checa e chamou-a pedindo suas orações. Essa mulher tinha um exemplar de Ciência e Saúde. Minha mãe não morreu e não ficou aleijada, ela foi curada. Que gratidão minha avó deve ter sentido por essa jovem estudante de Ciência Cristã que havia se disposto a deixar sua pequena luz brilhar. A escuridão da desesperança havia se quebrado com a luz da esperança e da cura. Uma pequena Luz.
Muitas vezes penso em quando meu pai e eu tentávamos encontrar o caminho de casa, à noite, através do labirinto de canais e ilhas na borda do Golfo do México. A orientação do Pai Nosso e um homem com uma lâmpada de 100 watts no meio da noite nos trouxe em segurança para casa. Uma pequena Luz .
Há alguns anos uma amiga querida chamada Sarah Hedin estava servindo como assistente executiva em um vôo de Los Angeles para Londres. Metade da tripulação de serviço, incluindo Sarah, estava em uma pausa e em seus beliches na cauda do 747. De repente o avião encontrou uma turbulência pesada e, como Sarah expressou, "começou a dançar em círculos de forma vibrante." E parecia que tudo ficava cada vez mais violento e estrondoso. Sarah começou a orar por aquele grande problema. Pensou em um poema de Eddy que conhecemos como Hino 207, "Gentil presença...". Ela estava realmente sentindo e permanecendo em cada palavra, "Gentil presença, GOZO, PAZ, PODER, divina Vida reges o porvir”: Ela deixou cada idéia ocupar seu pensamento mais do que os violentos giros do avião. A aeronave de repente reduziu a altitude e Sarah teve um sentimento de desprendimento. Ela foi ao encontro de seus outros colegas e assegurou-lhes que o avião saíra da turbulência. Um pouco mais tarde uma das jovens aeromoças lhe disse: "Eu estava muito assustada e então olhei para você e você estava sorrindo e tudo estava bem." Sarah me disse, "aquele sorriso que tive acredito- ter sido os pensamentos angelicais de paz, regozijo e poder brilhando através de mim".
Teria adorado ver o rosto da Sarah enquanto ela contemplava aquelas verdades "Gentil presença, GOZO, PAZ, PODER…”. Essa pequena Luz.
O Hino 51 do Hinário da Ciência Cristã diz: “Ao homem deu o Criador Nobreza e poder; A imagem imortal de Deus Reflete o Seu ser.”
Eu adoraria ter visto o rosto de Moisés quando ele desceu do Monte. Adoraria ter visto o rosto de Elias quando ele ficou na entrada da caverna. Adoraria ter visto o rosto de Jesus quando ele falou com Moisés e Elias. Eu adoraria ter visto o rosto de Paulo quando Ananias falou-lhe de Cristo Jesus.
Mas, afinal, cada um deles estava apenas refletindo a luz clara da Alma e nós podemos fazer isso também. Então, estou esperando ansiosamente pela nossa próxima reunião, pois sei que a próxima vez que nos encontrarmos você estará deixando sua pequena Luz brilhar. Aposto que você irá realmente resplandecer!
_______________________________
Este estudo metafísico foi preparado por Rick Stewart C.S., Dresden, Alemanha, rickstewartcs@aol.com +49 351 312 4736
A equipe de tradução para o português é composta por Ana Paula Wagner, Dulcinea Torres, Elisabeth Z. Friedrichs, Leila Kommers e Ovídio Trentini, com a leitura final por Orlando Trentini, CSB. Visite o site www.trentinicsb.com. Ali encontrará esta tradução e as anteriores para estudo, para baixar e partilhar esse copo de água fresca com seus amigos.
Os estudos metafísicos dos Cedros sobre o estudo diário da Lição Bíblica da Ciência Cristã, contendo ideias de aplicação metafísica, são oferecidos, durante todo o ano, para que os amigos da Ciência Cristã vejam e demonstrem o grande valor do estudo diário da LB.
Os Cedros são um complemento para a LB. O estudo em inglês será postado, no link abaixo, na 2a. feira. Sua tradução para o português será postada até a 3ªfeira. Busque e leia o texto em inglês em http://www.cedarscamps.org/metaphysical.
______________
HINO 172
Dispõe-te, deixa tua luz brilhar,
Enquanto ruge o tempestuoso mar.
Da vera Luz, és raio imortal;
Sob tal poder, não prevalece o mal.
Assim, bem alto, acima da ilusão,
Ergue o farol aos que bem longe estão.
Enganos passam, Deus há de ficar;
E Tua estrela sempre vai brilhar.
Se o mundo gira em triste delirar
Com Tua luz desfaz a escuridão;
E irradia o dom da salvação
Que brilha até a aurora despontar.

Metaphysical

Thrive in God’s kingdom where you’ve been firmly planted! - To me, this week’s Lesson...
Latest Lesson Application Idea

Newsletters

Get free weekly uplifting newsletters (available in English, Spanish, French, German and now in Portuguese!)
Subscribe or Update Subscription

Facebook

Find CedarS on Facebook for the latest news, heart-warming fruitage, facility upgrades and more!
Go to the CedarS' Facebook Page