Cedar Camps

Metaphysical Ideas

Search Metaphysicals
 

Metaphysical Newsletters

The weekly Metaphysical Newsletter is provided to campers, staff, alumni, friends and the CedarS family at no charge however contributions help defray the costs of running this service.

Click here for more about how you can provide support!
 

Delivered to You FREE!

Available in five languages, get it delivered to your inbox weekly!

Subscribe Now!

Aceitem e reivindiquem o homem perfeito como o único homem! Estudo Metafísico do Acampamento dos Cedros - Tema: O Homem.

Kerry Jenkins, C.S., House Springs, MO
Posted Monday, August 29th, 2016

CIÊNCIA CRISTÃ - LIÇÃO BÍBLICA

O HOMEM

Aceitem e reivindiquem o homem perfeito como o único homem!

29 de agosto a 04 de setembro de 2016


O Texto Áureo desta semana vem da declaração definitiva da criação em Gênesis 1. Ele é sucinto. Por que iríamos precisar de algo mais se essa criação é completa, perfeita (outra palavra para “completa” na Bíblia)? É interessante levarmos isso em consideração ao lermos o relato bem mais extenso, complexo e francamente deprimente da criação que vem logo a seguir. A matéria gosta de inflar sua própria importância, declarando que o homem é uma criatura complexa, composta de uns tantos fatores materiais, biológicos, emocionais e ambientais. Nossa liberdade de vivenciar a paz, a sabedoria, a saúde e a imortalidade dadas por Deus, vem de “agi[r] ousadamente, em oposição à geralmente aceita evidência dos sentidos” (CS24, p. 18). Façamos isso esta semana: ousemos em refutar a falsidade do senso material. Aceitemos nossa perfeição, demonstremo-la, regozijemo-nos nela e louvemos nosso Pai-Mãe pela dádiva de uma criação correta, justa e bela, ou seja, o homem a quem foi dado o domínio.

___________________

Abreviações: Bíblia – B; Bíblia na Nova Tradução na Linguagem de Hoje – NTLH;

Bíblia Mensagem - MSG; Ciência Cristã – CC; Ciência e Saúde – CS; Lição Bíblica – LB

___________________


A Leitura Alternada realmente dá o tom para as questões de justiça, correção e equanimidade que perpassam a lição desta semana. Gosto do aspecto da justiça e da correção (juízo) serem o fundamento (habitação) do trono de Deus, ou do poder/governo. Que fundamento! E esse senso de justiça e juízo é inerente à existência espiritual do homem. A Ciência Cristã sustenta a liberdade do homem quanto à doença, ao pecado, à morte, à desigualdade e à injustiça de qualquer sorte, com base na origem espiritual do homem. Quando começamos com essa origem divina de domínio, mantemos as coisas claras, gratificantes, salutares, rejubilantes – em suma, completas.


Seção 1: Pode o reflexo ser inferior ao seu original?

Se aceitarmos que somos seres mortais separados, derivados de parentesco mortal, com nossas próprias mentes, já não somos mais reflexos, porém "criadores". Isso é de fato um conceito comumente aceito sobre o homem na atualidade. Deparei-me recentemente com uma declaração em Retrospecção e Introspecção, p.56: "O sol envia luz, mas não sóis". A implicação óbvia aqui é que Deus fez o homem como uma expressão do Seu ser, e não como pequenos seres separados em suas próprias trajetórias. A chave aqui parece ser que devemos estar conscientes da nossa identidade espiritual, tão conscientes a ponto de rejeitarmos qualquer qualidade que "não seja derivada da Deidade" (CS4). Não podemos nos permitir ser orgulhosos no sentido pessoal de bondade ou realização, ou sentir decepção ou vergonha de nossas imperfeições. Ao contrário, podemos nos alegrar por sermos completos como reflexos, nunca, jamais separados da nossa fonte, Deus.


Seção 2: Ao nos volvermos a Deus, encontramos a igualdade expressa.

Eu amo essa história das filhas de Zelofeade. Notei nesta leitura, a afirmação que "Moisés levou a causa delas perante o Senhor". Que coisa poderosa a se fazer! Quantas vezes tentamos levar injustiças ao tribunal da opinião humana? (Eddy afirma na p.192 de Ciência e Saúde: "As opiniões humanas não são espirituais".) E veja o que Deus diz, há tantos anos, muito antes de se mencionar "direitos das mulheres", ou de qualquer tipo de movimento feminista. Deus disse a Moisés para lhes dar a terra. Nós também podemos ir direto a Deus para sermos instruídos quanto aos nossos direitos e privilégios. Não precisamos esperar que as leis mudem, que os governos as aprovem, mais do que os filhos de Israel tiveram de esperar pela Terra Prometida! (Eles não precisaram esperar; eles simplesmente ficaram amedrontados em tomar posse dela, quando foi oferecida pela primeira vez.) Nossa liberdade da injustiça, da desigualdade de qualquer tipo, é fornecida pelo nosso amoroso Pai-Mãe que deu a cada um de nós uma herança completa e divina. Nós podemos corajosamente reivindicar e conscientemente aceitar nossa igualdade, o nosso valor, como dado por Deus.


Seção 3: A união de qualidades masculinas e femininas nos faz perfeitos/completos.

Ao invés de pensar que temos de colocar esta seção no contexto literal de casamento, vamos pensar em termos de "união" de qualidades que são mencionados na citação CS13 e ao longo desta seção. Nenhum de nós é excluído deste desafio a de aceitar a nossa integridade ou totalidade. O exemplo de Provérbios da "mulher virtuosa" é uma mulher que expressa "... nem uma única qualidade não derivada da Divindade..." (CS14). Muitas das qualidades que ela expressa nessa passagem poderiam também ser atribuídas a um homem bom. Sua força, resistência, sabedoria, diligência e assim por diante são derivadas da divindade e, portanto, disponíveis a todos. "O amor é imparcial e universal na sua adaptação e nas suas dádivas" (CS9). Isso nos impede de aceitar a sugestão de não sermos bons em certas coisas, ou sermos dependentes de outros para algumas coisas que não tenhamos a capacidade de fazer ou compreender. Isso não significa que temos de fazer tudo sozinhos, apenas que tudo o que precisa ser realizado está ao nosso alcance, como reflexos de Deus.


Seção 4: Encontre e reconheça a beleza isenta de matéria.

O artigo publicado no Christian Science Sentinel, “The Bible Lens” (As lentes da Bíblia) explica que a beleza na citação em B16 não vem da ideia de "beleza física", mas sim da palavra hebraica "Noam", que significa bondade, simpatia e graça. Eddy nos diz que "formosura e fineza são independentes da matéria" (CS20). Então, como reconheceremos esse tipo de beleza? Vemos isso na manifestação dessas qualidades que são derivadas por Deus. Vemos isso no amor expresso em bondade e compaixão, paciência e ternura; na Mente expressa em inteligência e discernimento; na Alma expressa na criatividade, e assim por diante. A coisa realmente impressionante sobre essas formas reais de beleza, é que cada uma, até a última delas é imortal, eterna, imutável. Assim é o homem quando nos asseguramos de só considerá-lo assim!


Seção 5: Ações necessárias da nossa parte para montar guarda sobre este homem perfeito. [Consulte CC PS (B19)]

Não que tenhamos de "manter" de algum modo o homem perfeito que é reflexo de Deus. Contudo, precisamos estar vigilantes em nossa consciência, e não aceitar o bombardeio de sugestões sobre o homem, que possam nos levar a sujeitarmo-nos ao modelo material. Mais uma vez, o artigo “The Bible Lens” no Sentinel desta semana foi muito útil para mim ao trazer as palavras hebraicas na citação B17 (Salmo 37: 37) "observa" e “posteridade” –“Observa o homem integro e atenta no que é reto: porquanto o homem de paz terá posteridade”. Quando "observamos" o homem perfeito, nós o guardamos, protegemos ou vigiamos. E, quando olhamos para a “posteridade” desse homem, não estamos falando de sua morte, mas de seu futuro ou “glória”. Quando mantemos guarda em nossa consciência, mantendo o verdadeiro conceito do homem como espiritual e completo, encontramos nosso futuro ou imortalidade com paz! Na história da mulher que estava encurvada sem se endireitar havia 18 anos [na citação B19 e no PS], vemos Jesus revelando os "direitos" dela como "filha de Abraão" (filha de Deus) à liberdade. Esses direitos estão acima de todas as crenças ou leis humanamente estabelecidas e podemos agir corajosamente para defender a nós mesmos e aos outros de tal tirania. Nosso Deus conferiu direitos que superam as leis civis e as assim chamadas leis de saúde.


Seção 6: O homem e a mulher como reflexos são ilimitados e abençoados.

Mais uma vez, somos chamados a deixarmos de lado nosso senso de identidade enraizado na origem material. A "luz central" que vem de todo reflexo é Deus (CS27). Não há "luzes pequenas" nem "sóis" pequenos atuando por conta própria, com recursos limitados e com um destino material. Não somos "sóis", mas sim, a luz eternamente refletida da "Luz" que é Deus. Nessa verdade, encontramos nossa segurança, imortalidade, saúde, totalidade, e perfeição incondicionais.


[PS de Warren extraído de comentários de Cobbey Crisler a respeito da citação B19, Lucas 13: 11-16: Jesus curando uma mulher encurvada:

“Os versículos 10 a 17 são um relato de cura que só aparece em Lucas. 11 Uma mulher com um problema na espinha está na sinagoga. Notem que Lucas não diz que ela tinha uma enfermidade. Lucas, que era conhecido como sendo um médico, nem ao menos diagnostica o caso como enfermidade, mas como “espírito de enfermidade”, um conceito, um espírito, um pensamento. “Andava ela encurvada, sem de modo algum poder endireitar-se”. 12 Jesus anuncia às mulheres algo aplicável em várias circunstâncias, não apenas desta vez. “Mulher estás livre da tua enfermidade. 13 “Ela imediatamente se endireitou e dava glória a Deus.” 14 Inacreditável, mas “o chefe da sinagoga” onde ocorreu essa grande cura e correção de um problema humano, respondeu com “indignação”.

A explicação de Jesus a respeito da causa dessa enfermidade está no versículo 16. Não deve haver mais nenhum espaço no pensamento cristão considerando que a doença se origine em um pensamento ou que seja da vontade de Deus, uma vez que Jesus o atribui a qualquer coisa que se oponha a Deus. Somente o que se opõe a Deus imporia ao homem algo que Deus mesmo nunca seria capaz de criar no homem. É isso uma nova teologia? Satã e a doença vinculados, e não Deus como sendo a fonte de perda, dor ou doença?

Assim sendo, ele define satã como um mentiroso (ver João 8:44). Fora satã que havia amarrado essa mulher à enfermidade, e já por dezoito anos (Lucas 13: 16). E “Satã é um mentiroso e pai da mentira”. As obras de satã são também as mentiras. Assim sendo, elas podem ser corrigidas mentalmente, por um pleno reconhecimento do que é verdadeiro. Notem que é satã que faz a amarração. Jesus disse (João 8: 32): Conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará.”

É um confronto entre a verdade e a mentira a respeito de Deus e Sua teologia, do homem, da mulher, das crianças e da doença. Se satã for mentiroso, assim o será para sempre. Nossa ideia de Deus pode haver se extraviado, mas Deus não saiu do lugar.”

Extraído de uma transcrição de uma palestra de B. Cobbey Crisler intitulada: “O livro de Lucas: Lucas o Pesquisador”.]

_________________

Este estudo metafísico foi preparado por Kerry Jenkins, CS, House Springs, MO, EUA, (314) 406-0041 kerry.helen.jenkins@gmail.com.

A equipe de tradução para o português é composta por Ana Paula Wagner, Dulcinéa Torres, Elisabeth Z. Friedrichs, Leila Kommers e Ovídio Trentini. Visite o site Associação dos Alunos de Ciência Cristã do Professor Orlando Trentini, CSB. Ali se encontram esta tradução e as anteriores para estudo, para baixar e partilhar esse copo de água fresca com seus amigos.

Os estudos metafísicos dos Cedros sobre o estudo diário da Lição Bíblica da Ciência Cristã, contendo ideias de aplicação metafísica, são oferecidos, durante todo o ano, para que os amigos da Ciência Cristã vejam e demonstrem o grande valor do estudo diário da LB.

Os Cedros são um suplemento para a LB. O estudo em inglês será postado, no link abaixo, na 2a. feira. Sua tradução para o português será postada até a 4ªfeira. Busque e leia o texto em inglês em http://www.cedarscamps.org/metaphysical.

Metaphysical

True Freedom Comes from Spirit! - Everyone wants to feel true joy, love, wisdom, energy. We...
Latest Lesson Application Idea

Newsletters

Get free weekly uplifting newsletters (available in English, Spanish, French, German and now in Portuguese!)
Subscribe or Update Subscription

Facebook

Find CedarS on Facebook for the latest news, heart-warming fruitage, facility upgrades and more!
Go to the CedarS' Facebook Page