Cedar Camps

Metaphysical Ideas

Search Metaphysicals
 

Metaphysical Newsletters

The weekly Metaphysical Newsletter is provided to campers, staff, alumni, friends and the CedarS family at no charge however contributions help defray the costs of running this service.

Click here for more about how you can provide support!
 

Delivered to You FREE!

Available in five languages, get it delivered to your inbox weekly!

Subscribe Now!

Reivindique as riquezas da criação de Deus como sua eterna substância! Estudo Metafísico do Acampamento dos Cedros - Tema: A Substância.

Rick Stewart, C.S., Dresden, Germany
Posted Monday, September 4th, 2017

CIÊNCIA CRISTÃ - LIÇÃO BÍBLICA

[Reivindique as riquezas da criação de Deus como sua eterna substância!]

4 a 10 de setembro de 2017.

A SUBSTÂNCIA

__________________________________________________

Abreviações: Bíblia – B; Bíblia na Nova Tradução na Linguagem de Hoje – NTLH;

Bíblia Mensagem - MSG; Ciência Cristã – CC; Ciência e Saúde – CS; Lição Bíblica – LB

__________________________________________________

Existe uma lição que se aprende logo ao falar outros idiomas. A tradução é parada dura. Às vezes, é muito difícil de se obter o verdadeiro sentido da frase quando se traduz de um idioma a outro. A tradução acurada é uma ciência e uma arte. Um bom tradutor é um tesouro acima de qualquer descrição. Por isso somos muito gratos às equipes de voluntários que traduzem o MET ao alemão, francês, espanhol e português. Bem que gostaríamos de expandir esse esforço de traduções, se houver voluntários disponíveis e dispostos em outros idiomas.

Mas a questão da tradução não se refere só a nossos METs; tem a ver com lição bíblica desta semana, e em particular, o Texto Áureo. Uma amiga e praticista ficou de fato irritada com a versão King James. Karenlee Mannrino, CS, de Chico, CA, me escreveu: “Essa Lição me tem sido um desafio. Sabemos que a versão em inglês nem sempre é exata na sua tradução de textos originais. E de fato não o é em relação ao TA desta semana! Nenhum dos outros idiomas menciona “riquezas” no Salmo 104:24.” (Karenlee faz uma compilação dos trechos bíblicos de várias versões relativos a cada lição. E depois compartilha gratuitamente por e-mail,.).

Texto Áureo (Salmo 104:24) “Que variedade, Senhor, nas tuas obras! Todas com sabedoria as fizeste; cheia está a terra das tuas riquezas.”

Inspirado pelos comentários de Kareenlee repassei cerca de 20 diferentes traduções e verifiquei que em parte ela tinha razão. A maioria das versões não inclui o termo “riquezas” em sua tradução do Salmo 104:24. Algumas poucas versões que têm a versão King James como base, apresentam o termo em questão. Algumas incluem “riquezas” com qualificação, outras nem sequer mencionam o termo. O TA estava, então, desinformando quanto àquilo que a lição desenvolveria? Não realmente, pois à medida que entramos na lição vemos que ela tem tudo a ver com as riquezas da criação de Deus. E é isso o que as outras versões trazem. Eis alguns exemplos:

Texto Áureo | Salmo 104:24:

MSG – A Mensagem – “Que mundo selvagem maravilhoso, ó Eterno! Tu o fizeste completamente, com a Sabedoria do teu lado, fizeste a terra transbordar com tuas maravilhosas criações.”

CEB – Senhor, tu fizeste tantas coisas! Tu as fizeste com sabedoria! A terra está cheia de tuas criações!

Bíblia de Lutero: “Quão grandiosas e abundantes são as tuas obras. Tuas as ordenaste sabiamente. A terra está cheia das tuas bondades.”

Tradução A PALAVRA DE DEUS: “Quantas coisas tu fizeste, ó Senhor! Todas fizeste com sabedoria. A terra está cheia das tuas criaturas”.

Bíblia Judia Completa: “Que variedade nas tuas obras, Adonai! E que quantidade! Fizeste todas em sabedoria; a terra está cheia das tuas criações.”

Bíblia Ampliada: “Ó Senhor, quantas e variadas são as tuas obras! Com sabedoria fizeste-as todas! A terra está cheia de tuas riquezas e tuas criações.”

NTLH: “Ó SENHOR, tu tens feito tantas coisas e foi com sabedoria que as fizeste. A terra está cheia das tuas criaturas.”

A Leitura Alternada (Salmo 68:4, 7-11, 19, 32; Provérbios 3:5, 9) inicia apontando para a gloriosa natureza da criação de Deus e Suas criaturas, e poderíamos dizer que essa criação constitui as riquezas de Deus. E há uma aclamação muito positiva com relação “À Palavra” dada por Deus assim como louvor aos que a publicaram. Mas há outra mensagem forte não encontrada na versão King James que aparece em várias outras traduções. Acho que poderiam chamá-las de: “Vamos deixar com as garotas!” Achei isso uma descoberta divertida. É a tradução do Salmo 68:11 que encontramos na LA. A versão da King James, em inglês, diz: “O Senhor deu a palavra: grande era a companhia dos que a publicaram.”

Vejam algumas outras traduções:

Bíblia Ampliada, Edição Clássica : “O Senhor dá a palavra [de poder]; grande é a falange de mulheres que a sustentam e publicam (as boas novas).”

Tradução A PLAVRA DE DEUS: “O Senhor dá instruções. As mulheres que as anunciam são um grande exército.”

Tradução Boas Novas: “O Senhor deu a ordem, e muitas mulheres espalharam as boas novas.”

A Voz : “O Senhor dá a palavra; há muitíssimas mulheres prontas para difundir as boas novas.”

Vamos lá meninas!

Assim, com uma total compreensão do TA e a introdução da LA estamos prontos para descobrir as riquezas da criação de Deus e Suas criaturas. Saberemos que essa não é uma descoberta dominada pelo homem, mas é para “garotos e garotas”!

Seção 1: Ezequias, um cara correto, descobre que a substância espiritual é um verdadeiro tesouro!

De acordo com a bíblia hebraica, Ezequias, filho de Acaz, era o 13o rei da Judeia.

Estima-se que seu reino foi entre 715 e 686 AC (Edward Thiele, arqueólogo). O autor do livro dos Reis descreve-o como um rei correto. E a bíblia hebraica o considera como um dos reis mais proeminentes da Judeia. Ele até é mencionado na genealogia de Jesus em Mateus. De acordo com a bíblia hebraica, ele viu os assírios destruírem o reino do norte de Israel em 722 AC e também a invasão de Jerusalém em torno de 701 AC. Ezequias ordenou a veneração de um único Deus e proibiu a adoração de outras deidades no templo. Os profetas Isaías e Miqueias foram ativos durante o reinado de Ezequias. As citações bíblicas, B2 (2Reis 18:1 3, 6, 7) e B3 ( 2Crônicas 32:27, 29, 32,) nos dizem que Ezequias era obediente a Deus e, por causa das suas ações corretas, prosperou em tudo que fez e foi sempre muito rico e honrado.

Ezequias foi um ótimo exemplo na demonstração de que o sucesso é encontrado quando fazemos as coisas corretamente. Por isso que o chamei de um cara correto! Paulo escreve a Timóteo, o jovem amigo e seguidor de Jesus, que a “santidade” traz a felicidade e é algo absolutamente positivo na vida (Ver B4, 1Timóteo 6:6, 17, 18; “santidade com satisfação é um grande ganho” [tradução livre da King James], “a religião é uma fonte de muita riqueza, mas só para a pessoa que se contenta com o que tem” [NTLH]). (A lição bíblica do TMC mostra que “Santidade” ou Eusebeia em Grego, significa santidade e também amor e respeito profundo por Deus.”) As citações CS1 a CS5 nesta seção são como um seminário sobre a verdadeira substância da vida e sobre o que é verdadeiramente valioso. Podemos nos perguntar, “Que riquezas espirituais temos como tesouro hoje?” Fazer da busca de uma verdadeira adoração ou entendimento de Deus uma tarefa diária pode ser bem prático no nosso dia a dia. A Santidade ou Eusebeia é um investimento valioso no futuro sucesso e na provisão diária. Aprender que a verdadeira riqueza não é necessariamente aquilo que está na sua conta bancária ou na bolsa abre a porta para a verdadeira riqueza, a riqueza e generosidade da criação de Deus. Por exemplo, duas amigas da minha mãe planejaram uma saída em retiro de final de semana para uma cabana bastante remota fora de Chicago. Elas tomaram o trem e depois um táxi para esse local isolado. Sendo longe de qualquer loja ou mercado, elas levaram sua própria comida. Ambas estavam ansiosas pelo silêncio e pela paz, e planejaram estudar e orar profundamente enquanto estivessem por lá. Mas quando abriram a porta da cabana, notaram que haviam deixado a comida e suas mochilas no táxi. Pareciam ser 3 longos dias sem comida! Ambas eram estudantes da Ciência Cristã e, quando começaram a orar, lhes ocorreu “o que vocês tem na sua casa?” Elas sabiam que a casa delas era a consciência delas e ambas começaram a afirmar que tinham tudo aquilo que precisavam, bem a mão. E quando olharam nos armários da cabana, encontraram muito pouco. Tinha um pouco de sal e um pouco de farinha de milho que ainda aparentava estar boa. Mas isso não prometia ser muito saboroso. Elas entenderam que precisariam ser radicais nas suas afirmações de que não ”careciam de nada”. Afirmaram, então, a presença de toda a generosidade de Deus ali naquele momento. Começaram a abrir a cabana para arejar. Limparam e tiraram o pó. Alguns minutos depois, passou um homem e viu que a cabana estava toda aberta. Ele tinha tido uma pescaria de muito sucesso. Após algumas palavras gentis, ele ofereceu-lhes nove dos peixes frescos que havia pescado, e as senhoras aceitaram com prazer. Elas já tinham sal e farinha de milho, e agora tinham também peixe para acompanhar. Elas tiveram uma deliciosa refeição junto com água cristalina do poço para beber. Onde aparentava que elas estavam sem recursos, a graça e generosidade de Deus as alimentou. Mas elas precisaram usar os talentos delas para enxergarem além da evidência material de falta para ver a riqueza espiritual. A citação CS5 diz, “O testemunho dos sentidos materiais não pode nos informar o que é real e o que é ilusório, mas as revelações da Ciência Cristã são a chave que dá acesso aos tesouros da Verdade” (p.70). Quando o motorista do táxi descobriu as mochilas delas no dia seguinte, ele as retornou com todos os mantimentos. Foi um final de semana lindo e incluiu uma grande lição sobre o sempre-presente suprimento espiritual.

Seção 2: A Substância aumenta quando partilhada e, assim, podemos construir para Deus.

A citação B6 conta a história do rei Joás de 2 Crônicas 24:1-13. Essa é uma daquelas histórias que dizemos, “puxa, eu não lembrava dessa”. Que história incrível de um menino de 7 anos que se tornou rei. Temos uma história por trás. Joás ou Jehoás era o único filho sobrevivente da família real de Acazias. Ele foi escondido no templo por sua tia Jeoseba. Ela era casada com o sumo sacerdote, Joiada. E depois de ter escondido o Joás por sete anos no templo, Joiada o coroou e ungiu como rei num golpe contra sua avó, Atalia. Atalia que tinha matado toda família de Joás, foi morta no golpe. Evidentemente com a orientação de Joiada, Joás renovou o pacto com Deus e a nação, e eles destruíram os altares de adoração de Baal. Pela primeira vez na história da Judeia, o templo em Jerusalém e o sacerdócio tiveram importância nacional. Por 40 anos, conforme Joás escutava a Joiada, a Judeia permaneceu fiel e é dito (em 2 Crônicas 24:2) que Joás foi correto durante todos os dias do sacerdote Joiada. (Você pode ler sobre Joás ou Jehoás em 2 Reis e 2 Crônicas. O que lemos na lição bíblica é sobre um rei que foi inspirado a reconstruir o templo. Esse era o templo de Salomão ou o templo em Jerusalém. Tinha se degradado e Joás evidentemente usou contribuições voluntárias para reconstruí-lo. Visto que você não será um patrocinador para a reconstrução de algum templo, como podemos colocar em prática as lições de construção de Joás? Bom, primeiro haviam sido feitas contribuições voluntárias. Quando doamos em serviço ao Criador é dito que esse serviço não nos esgota. “Dar não nos empobrece quando a serviço de nosso Criador, assim como também acumular tampouco nos enriquece” (CS9, p.79). Uma recente experiência envolvendo a igreja e serviço a Deus me ajudou a ver esse fato. Eu estaria nos EUA por duas semanas para um período de serviço maravilhoso como praticista no CedarS Camps. E três das minhas crianças estariam comigo. O Noah como um conselheiro CIT em treinamento. Johann no acampamento de esqui aquático. E a Alma no acampamento de cavalgadas júnior. Mas estar fora por duas semanas significava que nossa nova sala de leitura em Dresden ficaria fechada durante esse período. Eu não consegui encontrar ninguém localmente que pudesse abrir as portas os 5 dias da semana como eu vinha fazendo. Me veio a ideia de pedir ao meu irmão Gary para vir e servir. Ele imediatamente aceitou e paguei para ele ir até a Alemanha. Não somente ele manteve a sala de leitura aberta, ele expandiu os horários para sete dias por semana das 9 as 18 hrs. Num certo momento, eu estava tentado a acreditar que aqueles gastos de viagens poderiam estar me privando de fundos que precisava usar. Orei com a afirmação sobre dar (acima) do Ciência e Saúde (citação CS9, p. 79). E isto foi o que aconteceu. Noah é um novo estudante na Principia College. Recebemos fantástica ajuda financeira e bolsas de estudos, mas Noah ainda tinha uma conta de $3000 a pagar para a escola. Ele não poderia começar o ano sem antes pagarmos a primeira parcela das contas. Enquanto eu e Noah orávamos sobre a situação eu pedi ao Gary para me apoiar com oração, o que ele fez com prazer, e aí ele voluntariamente se ofereceu para pagar a primeira parcela da escola com seus recursos de aposentadoria. O que vai, volta. Ou seja, coloque o pão sobre a água, e ele vem de volta. Interessante que a quantia que o Noah precisava era exatamente o que tinha custado para o Gary viajar. E o “Templo”, a sala de leitura estava aberta 7 dias por semana com a ajuda contínua do Gary.

Seção 3: As curas de Jesus, as bem-aventuranças e os tesouros do Sermão do Monte.

Durante três vezes a fundadora do Acampamento dos Cedros, Ruth Huff, aproveitou a oportunidade para viajar com grupos de turismo liderados por Janet e Cobbey Crisler, cientistas cristãos pesquisadores da Bíblia. Os insights sobre a Bíblia que Ruth obteve desses passeios e as palestras de Cobbey foram verdadeiros tesouros. Ela se tornou uma grande fã de Cobbey e compartilhou a esse respeito com sua família e muitos amigos, patrocinando dezenas de suas palestras e até vendendo-as na loja do Acampamento. Como resultado, os assinantes do Estudo Metafísico dos Cedros têm a oportunidade de aproveitar semanalmente algumas pesquisas de Cobbey através do diretor executivo do Cedros, Warren Huff (o filho de Ruth).

Eis alguns excertos preciosos que Warren cita dos trabalhos de Cobbey sobre as citações encontradas nesta seção.

Na citação B10 (Mateus 4:23): Eram problemas humanos que se faziam desafiavam para uma solução e Jesus resolveu todos eles com base em seu conceito da teologia, ou seja, do reino. Lembre-se de que um reino não é um caos. É um governo ordenado do céu e da harmonia ao alcance de todos".

Livro de Mateus, Examinando o Mestre, B. Cobbey Crisler

E, na citação B11 (Mateus 5:1-3), Cobbey traduz as bem-aventuranças em regras matemáticas obter felicidade:

"As bem-aventuranças, as bênçãos. A palavra "bem-aventurado" em nosso Sermão do Monte não é de fato a tradução precisa do grego. A palavra é "makarios", que significa "feliz". Basta pensar na busca da felicidade entre a humanidade. Aqui estão as regras estabelecidas por Jesus que são simplesmente afirmar que a felicidade pode ser obtida como descrito a seguir

[...] e devemos nos lembrar de que Jesus nunca proferiu nada que não tivesse praticado. O Sermão do Monte é, em essência, uma descrição da vida de Jesus [...]

O Sermão começa com as bem-aventuranças. (Verso 3). "Felizes as pessoas que sabem que são espiritualmente pobres" (NTLH). E não acha que soa como se eles devessem mesmo ser (felizes)? Mas descobrimos o motivo. E quais resultados se obtém por causa de tal humildade? E onde está o reino dos céus? Qual foi o primeiro anúncio de Jesus? Que esse reino “está perto” (Mateus 4:17, NTLH). E mais tarde, ele diz que está: "dentro" (Lucas 17:21).

Nós falamos sobre a matemática. De que forma você gostaria de reconhecer Jesus sendo um matemático por excelência? Ora, você pode usar suas bem-aventuranças e resolver equações através delas. O que demonstra o quanto ele era um pensador matemático. Por exemplo:

"Bem-aventurados os pobres em espírito". Assim, B x PE = RC. Quando você investe no lado esquerdo da equação, qual é o rendimento no lado direito? O "Reino dos Céus". "B" (bem-aventurados) multiplicado por "PE" (Pobres de Espírito) é igual a "RC" (Reino dos Céus), isto é, B x PE = RC.

Você obtém resultados mensuráveis. Percebe aqui uma diferença na abordagem de Jesus quanto à religião? Quando paramos para examinar a teologia, mesmo em nosso século, por acaso existe no pensamento teológico muita expectativa de resultados? No entanto, aqui está a essência do pensamento de Jesus. E obtemos resultados [...]"

Recordar-nos e também os outros das verdades práticas e maravilhosas é certamente a forma de instrução que muitas vezes é praticada na bíblia. Tradições contadas ou verdades que se tornam nossas também. Algumas das minhas ferramentas espirituais favoritas que me recordo vêm das aulas da Escola Dominical da Ciência Cristã. E isso é o que também praticamos no Acampamento dos Cedros. Adoro a referência às bem-aventuranças de Jesus como "Ser a conduta" (‘Ser atitudes’). Essa frase me chamou a atenção pela primeira vez no Cedros!

Seção 4: O Reino dos Céus encontrado através da compreensão da substância verdadeira.

Nesta seção, temos parábolas (B16, Mateus 13:2,33,44-46) que falam do Reino dos Céus. O livro Ciência e Saúde oferece esta definição: "REINO DO CÉU. O reino da harmonia na Ciência divina; o âmbito da Mente onipotente, infalível eterna; a atmosfera do Espírito, onde a Alma é suprema" (CS16, p. 590).

Não é isso que nosso Mestre, Cristo Jesus desejava que descobríssemos, o Reino dos Céus como um fato presente, demonstrável e alcançável aqui?

Seção 5: Fé em Deus como a verdadeira substância que traz a cura.

Existem aqueles que leem, com muito amor, as Escrituras, as curas de Cristo Jesus, sua poderosa instrução e são inspirados por aquilo que leem. Eles tentam viver de acordo com os ensinamentos do Cristo e os levam na sua vida diária. Mas quando se trata de vivenciar e esperar reproduzir as obras de cura, eles acabam, geralmente, parando por aí. Para eles, essas curas são passado. Mas não para um Cientista Cristão praticante. Eles esperam obter “bom testemunho” acerca da cura como “os antigos” obtiveram, como declara São Paulo na citação B17:

“A fé é a certeza de que vamos receber as coisas que esperamos e a prova de que existem coisas que não podemos ver. Foi pela fé que as pessoas do passado conseguiram a aprovação de Deus” (B17, Hebreus, 11:1,2, NTLH).

A citação B19 (Atos 14:8-10) registra uma obra de cura: “Na cidade de Listra havia um homem que estava sempre sentado porque era aleijado dos pés. Ele havia nascido aleijado e nunca tinha andado. Esse homem ouviu as palavras de Paulo, e Paulo viu que ele cria que podia ser curado. Então olhou firmemente para ele e disse em voz alta: - Levante-se e fique de pé! O homem pulou de pé e começou a andar”.

Na citação CS16 (p.162), Mary Baker Eddy relembra o poderoso efeito sanador desta cura mental científica: “A Ciência Cristã traz ao corpo a luz solar da Verdade, que revigora e purifica […] Ao aplicar as regras da Ciência, na prática, a autora restabeleceu a saúde nos casos mais graves de doenças, tanto agudas como crônicas. Secreções foram mudadas, a estrutura foi renovada, membros curtos foram alongados, juntas ancilosadas se tornaram flexíveis, e ossos doentes foram restaurados ao estado sadio. Restaurei o que se chama substância deteriorada dos pulmões, e estabeleceram-se organismos sadios onde a doença era orgânica. A Ciência Cristã cura a doença orgânica com tanta segurança como cura a que se chama funcional, pois se requer apenas uma compreensão mais completa do Princípio divino da Ciência Cristã, para demonstrar a regra mais elevada.”

Há algumas semanas, recebi uma ligação do meu filho, Johann. Ele e um amigo estavam com suas bicicletas em uma trilha de motocross, andando e saltando. Em um dos montes, onde havia uma raiz de árvore, Johann saltou mas, ao tentar evitar a raiz, acabou batendo. A bicicleta ficou bem danificada. Quando cheguei de carro, Johann estava, obviamente, tendo problemas em um braço e no ombro. Colocamos a bicicleta no carro. E fomos para casa. Também liguei para um praticista da Ciência Cristã para uma ajuda por meio da oração. Precisei ligar algumas vezes até encontrá-lo, mas insisti. Eu sabia que as orações ajudariam eficazmente na cura.

Quando liguei para minha mulher, combinamos que levaríamos Johann ao pronto socorro. O veredito foi um pulso e uma clavícula fraturados.

Eu estava firme nas ideias apresentadas pela Sra. Eddy em Ciência e Saúde, no último parágrafo da página 401: “Até que a época que avança admita a eficácia e a supremacia da Mente, é melhor que os Cientistas Cristãos deixem a cirurgia, bem como o ajuste de ossos fraturados ou luxados, aos cuidados de um cirurgião, enquanto que o sanador mental se limitará principalmente à reconstrução mental e à prevenção de inflamações. A Ciência Cristã é sempre a mais hábil cirurgiã, mas a cirurgia é o aspecto da cura nessa Ciência que será reconhecido por último. Todavia, é justo dizer que a autora já tem em seu poder bem autenticados relatos de curas de ossos fraturados e de articulações e vértebras deslocadas, curas essas efetuadas por ela e por seus alunos apenas pela cirurgia mental.

Aproxima-se a época em que a mente mortal abandonará sua base corpórea, estrutural e material, a época em que a Mente imortal e suas formações serão compreendidas na Ciência e as crenças materiais não interferirão nos fatos espirituais. O homem é indestrutível e eterno” (CS 401:27-13).

No hospital, foi diagnosticado que o pulso estava quebrado e foi colocado gesso. Quando fomos a um cirurgião conhecido nosso de uma década, duas semanas depois, ele disse: “Esse osso nunca esteve fraturado.”

Eu meio que dei uma risada com essas palavras, porque era exatamente isso o que o praticistas e eu sabíamos desde o primeiro dia. Nós afirmamos que a relação do homem com a harmonia de Deus não pode nunca ser interrompida. É impossível que o homem saia dos cuidados de Deus. E adorei a mensagem que recebi do meu amigo, o praticista, quando lhe contei sobre o laudo médico. Ele escreveu: “Sinto vontade de gritar EBAAAA de novo. Amo todos vocês!”

E tenho certeza de que o laudo da clavícula será o mesmo. Johann não sentiu nenhuma dor durante todo esse processo. Ele não teve nenhuma inflamação, mas estava inflado de amor!

Seção 6: Espírito, a substância dos verdadeiros dons.

Gosto das versões alternativas da citação B22 (Efésios 3:14-21): NTLH - “Por esse motivo, eu me ajoelho diante do Pai, de quem todas as famílias no céu e na terra recebem o seu verdadeiro nome. E peço a Deus que, da riqueza da sua glória, ele, por meio do seu Espírito, dê a vocês poder para que sejam espiritualmente fortes. Peço também que, por meio da fé, Cristo viva no coração de vocês. E oro para que vocês tenham raízes e alicerces no amor, para que assim, junto com todo o povo de Deus, vocês possam compreender o amor de Cristo em toda a sua largura, comprimento, altura e profundidade. Sim, embora seja impossível conhecê-lo perfeitamente, peço que vocês venham a conhecê-lo, para que assim Deus encha completamente o ser de vocês com a sua natureza. E agora, que a glória seja dada a Deus, o qual, por meio do seu poder que age em nós, pode fazer muito mais do que nós pedimos ou até pensamos! Glória a Deus por meio da Igreja e por meio de Cristo Jesus, por todos os tempos e para todo o sempre! Amém!”

Bíblia A Mensagem: Minha resposta é ajoelhar-me na presença do Pai, o magnífico Pai, dos céus e da terra. Não me canso de pedir que ele os fortaleça pelo seu Espírito – não com força humana, mas com seu glorioso poder interior – para que Cristo viva em vocês, que o convidam a entrar no coração. Peço a ele que, cheios do amor, vocês sejam capazes de participar, com os demais seguidores de Jesus, da dimensão insondável do amor de Cristo. Experimentem a largura! Testem seu cumprimento! Subam às alturas! Vivam uma vida cheia da plenitude de Deus!”

Sim, essa é a nossa meta, a direção em que estamos caminhando em nossas vidas e na prática cristã.

Como escreve nossa Líder na citação CS 30 (p.451): “O homem caminha na direção para a qual olha, e onde estiver seu tesouro, aí estará também seu coração. Se nossas esperanças e nossos afetos são espirituais, é de cima que eles vêm, não de baixo, e trazem, como outrora, os frutos do Espírito.”

_________________

Este estudo metafísico foi preparado por Rick Stewart, CS, Dresden, Alemanha.

A equipe de tradução para o português é composta por Ana Paula Wagner, Dulcinea Torres, Igor Souza, Leila Kommers, Ovídio Trentini e William Trentini. Visite o site Associação dos Alunos de Ciência Cristã do Professor Orlando Trentini, CSB. Ali você encontrará esta tradução e as anteriores para estudo, podendo baixar e partilhar esse copo de água fresca com seus amigos.

Os estudos metafísicos dos Cedros sobre o estudo diário da Lição Bíblica da Ciência Cristã, contendo ideias de aplicação metafísica, são oferecidos, durante todo o ano, para que os amigos da Ciência Cristã vejam e demonstrem o grande valor do estudo diário da LB.

Os Cedros são um suplemento para a LB. O estudo em inglês será postado, no link abaixo, na 2a. feira. Sua tradução para o português será postada até a 4ªfeira. Busque e leia o texto em inglês em http://www.cedarscamps.org/metaphysical.

Metaphysical

Let Peace Prevail! Denounce the re-living of dead history... - This lesson is a good roadmap...
Latest Lesson Application Idea

Newsletters

Get free weekly uplifting newsletters (available in English, Spanish, French, German and now in Portuguese!)
Subscribe or Update Subscription

Facebook

Find CedarS on Facebook for the latest news, heart-warming fruitage, facility upgrades and more!
Go to the CedarS' Facebook Page